Quem Somos

O Instituto André Franco Vive foi fundado no dia 25 de novembro de 2004, em memória do jovem André Franco, com o objetivo de oferecer aprendizado educacional, cultural e profissional aos jovens de baixa renda.

Respeito e dignidade transformando vidas através do amor.

Objetivo

O Instituto tem por objetivo oferecer e promover a formação, educação, profissionalização e cultura, contribuindo assim para a educação, no seu mais lato senso, em todos os estados do Brasil. Tem por objetivo também difundir o patrimônio cultural, étnico social, ambiental e bibliotecas. No desenvolvimento de suas atividades, o Instituto não faz qualquer distinção quanto à raça, cor, sexo, condição social, credo político ou religioso.

Os projetos são oferecidos às comunidades em situação de vulnerabilidade social e de forma 100% gratuita.

Missão

“APOIO E EDUCAÇÃO PARA TRANSFORMAR VIDAS”

Nós, do Instituto André Franco Vive, acreditamos no ser humano. Mas para que as suas possibilidades de ser possam realmente acontecer, ele precisa e merece melhores condições de educação e preparo. É a partir deste investimento na pessoa, com a valorização e o resgate da autoestima, que nossas crianças e adolescentes poderão construir a sua cidadania e efetivamente participar da comunidade em que vive e da nossa sociedade como um todo, o que possibilita o crescimento de ambos.

Comunidade Atendida

O bairro Jardim D´Abril localiza-se na zona oeste da cidade de São Paulo, no distrito de Rio Pequeno. Esta região abriga uma grande favela subdividida, segundo os seus moradores em 04 sub-regiões. A saber:

  • Jardim D´Abril 1, Jardim D´Abril 2, Jardim do Lago e Cingapura.

 

O número de habitantes estimado da região é da ordem de 218.623 moradores sendo grande parte composto por menores de idade entre zero e 17 anos.

As 370 crianças e adolescentes que frequentam o Instituto André Franco Vive encontra-se em situação de vulnerabilidade social, estratificadas em relação ao IPV como a seguir:

– 20% IPVS 3 , ou seja, vulnerabilidade baixa;

– 79% IPVS 4, ou seja, vulnerabilidade média;

– 1%  IPVS 6, ou seja, vulnerabilidade muito alta.

Fonte: Mapa Subprefeitura do Butantã

 

No Jardim D´Abril há a Escola Municipal Conde Luiz E. Matarazzo e a Escola Estadual Rosa Bonfiglioli. O bairro conta com uma rede de apoio social da qual fazem parte: Associação Cultural, Associação de moradores, UBS, Supervisores de ação social do bairro, CECCO Previdência, Subprefeitura do Butantã, e o Instituto André Franco Vive.